Feliz e sorridente, Jobson afirma: 'Vou brocar três sábado'

Foto: Reprodução da Internet
Apesar de ter salvo o Botafogo do rebaixamento em 2009, o atacante Jobson foi bastante criticado no ano passado, após perder o pênalti que praticamente sacramentou o rebaixamento,  na partida diante do Figueirense em São Januário. Mas para o atacante, isso parece ser página virada.

Descontraído, feliz e sorridente, Jobson vem mostrando bastante dedicação nos treinos e tem recebido elogios do técnico Renê Simões (que o dispensou do Bahia em 2011, por indisciplina). Um dos mais próximos de Jobson fora do campo, Rodrigo Pimpão é só elogios ao atual camisa 21 do Glorioso.

- Ele (Jobson) é um cara que contagia o grupo, está sempre dando risada, colocando música para a gente dançar no vestiário. Ele está mostrando o potencial que sempre teve e vai nos dar muita alegria - disse Pimpão, que é concorrente direto de Jobson por uma vaga no ataque.

Mesmo com toda sua alegria e bom humor, Jobson ainda não falou a imprensa nesse ano de 2015. Porém, o atacante mantém a sua língua afiada e fez uma promessa aos repórteres e a torcida.

- Vou falar depois do jogo. Vou ‘brocar’ três (fazer três gols) - afirmou.

O Botafogo irá estrear no Campeonato Estadual no próximo sábado, às 17h, no estádio de São Januário.



Por: Igor Melo

Bota anuncia que reforço chegará ao Rio segunda e novela chega perto do fim

Atacante Pimentinha, 27, deverá chegar no próximo dia 2 para realizar exames médicos



Em comunicado emitido através do site oficial do clube, o Botafogo anunciou que o atacante Pimentinha, contratado junto ao Sampaio Corrêa-MA chegará ao Rio de Janeiro na próxima segunda-feira, quando irá realizar todos os procedimentos médicos. Pimentinha, 27, foi o grande destaque da equipe maranhense na Série B de 2014.



Por: Igor Melo

RETRÔ: Botafogo voltará usar numeração da década de 60

Foto: Vitor Silva/SSPress
Ao contrário da atualidade, lateral-direito passará a usar a camisa 4 e um zagueiro a camisa 2. Camisa 10 será de Pimpão ou Bill



Através de seu site oficial, o Botafogo informou que a partida da primeira rodada do Campeonato Carioca, o clube voltará a usar a numeração que usava na década de 1960 em suas camisas: 1, 4, 2, 3 e 6; 5, 8 e 11; 7, 9 e 10. Com a decisão tomada pelo presidente Carlos Eduardo Pereira, em conjunto com a comissão técnica, o lateral-direito Gilberto passará a ser o camisa 4 e um dos zagueiros assumirá a camisa 2.

O clube também irá manter a homenagem a Nilton Santos acima do escudo (autógrafo do ex-jogador). Segue a lista dos atletas inscritos* para a disputa do Campeonato Carioca.

GOLEIROS
Jefferson, Renan e Helton Leite

LATERAIS
Gilberto, Luis Ricardo, Thiago Carleto e Jean

ZAGUEIROS
Roger Carvalho, Renan Fonseca, Diego Giaretta, Dankler, Alisson e Rabello

VOLANTES
Marcelo Mattos, Willian Arão, Airton e Andreazzi

MEIAS
Tomas Bastos, Diego Jardel, Gegê, Elvis e Fernandes

ATACANTES
Bill, Rodrigo Pimpão, Jobson, Sassá, Henrique, Tássio, Murilo e André

*A lista ainda poderá sofrer alterações.



Por: Igor Melo

Assista os melhores momentos de Botafogo 0x1 Shandong Luneng





Por: Igor Melo

Clube francês anuncia zagueiro no Bota. Diretoria nega acerto

Zagueiro Rodolfo, 32, revelado pelo Fluminense, estava treinando no Le Havre 



O Le Havre comunicou que o zagueiro Rodolfo, de 32 anos, revelado no Fluminense e que já passou por Vasco, Grêmio e Dínamo de Kiev, é o mais novo reforço do Botafogo. O jogador estava treiaando, mas não chegou a um acordo com a diretoria do clube francês e teria aceitado a proposta do Botafogo. Porém, o vice-presidente de Futebol, Antônio Carlos Mantuano, negou que o clube tenha acertado com Rodolfo.






Por: Igor Melo

Com obras atrasadas, Botafogo corre risco de não jogar a estreia do Carioca no Nilton Santos

Foto: Reprodução de internet


O Botafogo pode ter de jogar a primeira partida do Campeonato Carioca de 2015 fora de casa. Isso mesmo. Apesar da promessa da prefeitura de entregar o Estádio Nilton Santos ao Botafogo no dia 31 de janeiro, as obras do entorno do estádio estão atrasadas e o prazo está curto, e com isso, dificilmente o clube terá a autorização do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar.

Em entrevista ao O Globo Online, o presidente do Botafogo diz estar confiando na palavra do prefeito, porém disse que não irá expor o torcedor do Botafogo a qualquer tipo de risco.

- Estamos esperando que a prefeitura dê um OK. Não exite a menor possibilidade de que o torcedor do Botafogo seja exposto a qualquer risco. Estamos preocupados com as autorizações. Mas não há o que ser feito. A prefeitura garante que entrega. Estamos confiando. Temos receio, sim, de ficar pronto em cima mas não termos autorização. Sei que essas coisas precisam de um tempo e planejamento – afirmou Carlos Eduardo.

Desconfiados quanto a entrega do estádio no prazo determinado, moradores e comerciantes da região não acreditam que a prefeitura irá cumprir o que disse.

Daniele Aparecida, moradora e dona de um bar improvisado na garagem de casa, disse que não irá comprar nada antecipadamente até ver o público chegando no Nilton Santos.

- Tenho este negócio na garagem de casa desde que o Engenhão abriu. Quando fiquei mal de saúde, comecei a trabalhar em casa. Perdi muito dinheiro, agora, vou esperar abrir para ter certeza do público. Mas será que abre mesmo dia 1º de fevereiro? Olha, isso está muito esburacado ainda - disse Daniele, pessimista.

Enquanto não sabe qual será o seu destino na estreia do Estadual, o clube sofre para vender as placas de publicidade do estádio, uma vez que o Niltão só terá aval para receber público máximo em junho.




Por: Igor Melo

Apesar da demora em se reapresentar, Jefferson reafirma que queria ficar no Botafogo

Goleiro diz que intenção era ficar no clube, mesmo esperando por garantias financeiras

Por: Bruno Souza

A demora na definição sobre se Jefferson ficaria ou não no Botafogo, teve seu final no dia de ontem. Após a confirmação do retorno do goleiro aos treinos no clube, o torcedor alvinegro pôde respirar aliviado. Mesmo tendo aguardado pelas garantias financeiras por parte da diretoria do clube por várias semanas, Jefferson disse que não tinha a intenção de sair do glorioso:

- Em nenhum momento eu falei que iria sair do Botafogo, até por que, eu tenho contrato com o Botafogo por mais um ano. Quando acabou o Campeonato Brasileiro, eu deixei aberto uma conversa com a diretoria, com o presidente. Se vocês pegarem minhas entrevistas, vocês vão ver que eu sempre dei prioridade ao Botafogo. Outras pessoas em outras chapas, disseram que se fossem eleitos não iriam ficar comigo, então eu estava somente esperando para ver se eu me encaixaria no planejamento do Botafogo - disse o goleiro.

Novamente tentando deixar claro que sua vontade era permanecer no clube, Jefferson disse que em sua visão, a questão de sua permanência poderia ter sido resolvida há muito tempo:

- Eu entendo a situação do Botafogo. Foi um mês difícil para o presidente, desbloqueio aqui, patrocínio ali, então a gente sabe que foi um mês difícil para o presidente. Mas, da minha parte, acho que nós poderíamos ter resolvido isso a um bom tempo.

Criado em 13/01/2015, às 11:40.

Presidente do Botafogo comemora reabertura do Engenhão: "grande ganho para o Botafogo"

Mesmo com abertura apenas da parte inferior, mandatário comemora retorno do alvinegro à sua casa

Por: Bruno Souza

Foram quase dois anos longe de casa, mas agora, com a reabertura do Engenhão, o Botafogo tem novamente um estádio para chamar de seu e mandar seus jogos durante o ano de 2015. Feliz por ter conseguido a reabertura do estádio, o presidente alvinegro Carlos Eduardo Pereira, comemorou o retorno ao Engenhão e destacou em entrevista à Rádio Globo, os pontos positivos do clube voltar a mandar seus jogos no estádio:

- O Botafogo deixa de ter a despesa de mandar as suas partidas em estádios de terceiros, e principalmente voltaremos a ter algumas receitas. É certo que nós teremos que fazer algumas compensações de empresas e pessoas que pagaram a aquisição de camarotes e outros espaços no Engenhão, nós teremos que fazer algum tipo de entendimento, uma compensação, mas de qualquer maneira a gente acredita que só de não ter essa despesa, podermos ter um estádio só para nossa torcida e assim poder ativar o nosso programa de sócio-torcedor, com certeza isso será um grande ganho para o Botafogo - comemorou o presidente do clube.

Apesar de ainda não poder contar com a capacidade máxima do Engenhão, que é de 45 mil lugares, o presidente também disse que o estádio terá sua capacidade aumentada gradativamente e que até o meio de 2015, o estádio deverá estar com sua capacidade total liberada para a torcida do Botafogo apoiar o time:

- A reunião com o prefeito Eduardo Paes foi muito positiva, no sentido de que tomamos conhecimento de que o anel inferior do estádio estará disponível para o uso do Botafogo já na estréia do Campeonato Carioca e que ao longo dos meses de fevereiro, abril e até julho o restante do estádio deverá estar liberado. O mais importante é que nós poderemos marcar a estréia dessa nova equipe do Botafogo, no nosso estádio, reencontrando a torcida botafoguense para uma festa bastante bonita, numa aproximação que temos certeza, será o início de uma caminhada que nos levará de volta à série A - disse Carlos Pereira.

Com a liberação do Engenhão, o Botafogo acaba com as dúvidas que o clube tinha, sobre onde faria sua estréia no cariocão. O Botafogo estréia no dia 1° de fevereiro, em partida contra o Boavista.

Criado em 09/01/2015, às 18:06.

Gilberto volta ao Botafogo falando em títulos

Para lateral alvinegro, grupo pode buscar o título na série B

Por: Bruno Souza

O lateral-direito Gilberto, comentou sobre vários assuntos em sua apresentação na manhã de hoje, entre eles, a conquista de títulos. Sem levantar uma taça a quase dois anos, o clube entra na temporada como favorito ao título da série B e vê na disputa do torneio, uma oportunidade de novamente ser campeão. Para Gilberto, um possível acesso à série A vencendo a competição, daria moral ao clube:

- Pela grandeza do Botafogo, o título seria importante para nós chegarmos à série A com moral. Acho que a torcida hoje espera mais o acesso, todos contam com o acesso, mas nosso grupo é forte e vai ser vitorioso se Deus quiser e a gente vai buscar esse título em campo - Disse Gilberto.

Presente no último título do clube, no Campeonato Carioca de 2013, o jogador não vê a competição como preparatória para o Campeonato Brasileiro da série B e diz que os jogadores "compraram a ideia" do técnico Renê Simões, de jogar a competição estadual com a obrigação de disputar o título:

- No contato que nós tivemos com ele (Renê Simões) sobre o Campeonato Carioca, ele já falou que vai buscar título, não vai entrar para cumprir tabela e sim para ganhar. A gente também comprou essa ideia e vamos juntos com ele - ressaltou o lateral.

Após um ano no Internacional, onde teve bons e maus momentos durante a temporada passada, Gilberto volta ao Botafogo como favorito para ser o titular na lateral-direita do clube na temporada de 2015.

Criado em 09/01/2015, às 13:54.

Atacante Léo Gamalho admite sondagem do Botafogo

Jogador que atuou pelo Santa Cruz em 2014 diz que clube procurou seu empresário 

Por: Bruno Souza

Na busca por reforços que venham para qualificar o elenco do alvinegro na temporada, o Botafogo sondou mais um atacante: trata-se de Léo Gamalho, jogador que vestiu a camisa do Santa Cruz no ano passado, marcando 32 gols com a camisa do time pernambucano, sendo assim o segundo maior artilheiro do país em 2014. Demonstrando estar ciente das sondagens por seu futebol, o jogador admitiu que o Botafogo o procurou:

- Realmente houve uma sondagem. Tem havido conversas com o meu empresário, Jorge Machado, e ele está por dentro dessa situação. Ainda não tem nada de concreto, nada oficial, só sei que houve um contato e estão nas conversas ainda - disse Léo Gamalho em entrevista à Rádio Bradesco Esportes FM.

Apesar de querer contar com o jogador, o Botafogo terá que enfrentar o interesse de outras equipes em contar com o futebol de Léo Gamalho. Segundo o jogador, o empresário Jorge Machado, que cuida do futuro do atleta, disse outros clubes também sondaram o atacante:

- Eu soube dessa sondagem ontem. Eu estou aguardando meu empresário passar alguma coisa concreta, mas o que ele passou, foi que o Botafogo se interessou assim como outras equipes, mas realmente houve o interesse. Eu sei de algumas outras situações, pelo menos duas ou três, mas não tenho nada acertado com ninguém - afirmou o jogador.

Léo Gamalho terminou seu contrato com o Santa Cruz no último dia 31 de dezembro e em caso de acerto com o Botafogo, chegaria sem nenhum custo ao clube.

Criado em 07/01/2014, às 13:46.